Ética e moral


Pedro Menezes
Revisão por Pedro Menezes • Professor de Filosofia

A moral refere-se ao conjunto de normas e princípios que se baseiam na cultura e nos costumes de determinado grupo social. Já a ética é o estudo e reflexão sobre a moral, que nos diz como viver em sociedade.

Uma maneira fácil de lembrar da diferença entre moral e ética é que a moral se aplica à um grupo, enquanto a ética pode ser questionada por um indivíduo.

Ética Moral
Definição

A ética é o estudo e a reflexão sobre os princípios da moral, das regras de conduta aplicadas a alguma organização ou sociedade.

A moral se refere às regras de conduta que são aplicados à determinado grupo, em determinada cultura.
De onde vem Individual. Sistema social.
Porque seguimos Porque acreditamos que algo é certo ou errado. Porque a sociedade nos diz que é o certo.
Flexibilidade

A ética é normalmente consistente, embora pode mudar caso as crenças de um indivíduo mudem ou dependendo de determinada situação.

A moral tende a ser consistente dentro de um determinado contexto, sendo aplicado da mesma forma a todos. Porém, pode variar de acordo com cada cultura ou grupo.
Exceções

Uma pessoa poderá ir contra sua ética para se ajustar a um determinado princípio moral, como por exemplo, o código de conduta de sua profissão.

Uma pessoa que segue rigorosamente os princípios morais de uma sociedade pode não ter nenhuma ética. Da mesma forma, para manter sua integridade ética, pode violar os princípios morais dentro de um determinado sistema de regras.
Significado Ética vem da palavra grega ethos que significa "conduta", "modo de ser". Tem origem na palavra latina moralis, que significa "costume".
Origem Universal. Cultural.
Tempo Permanente. Temporal.
Uso Teórico. Prático.
Exemplo

João teve uma atitude antiética ao furar a fila do banco.

No Brasil é imoral ter mais de uma esposa, enquanto em alguns países, como a Nigéria, é moralmente aceito.

O que é ética?

A ética se refere ao conjunto de valores e princípios que guiam determinado grupo ou cultura. Assim, norteia o caráter das pessoas e como elas irão se portar no meio social.

Apesar disso, a ética não deve ser confundida com a lei, pois pessoas não sofrem sanções ou penalidades do Estado por não cumprirem normas éticas.

O conceito de ética também pode significar o conhecimento extraído da investigação do comportamento humano ao tentar explicar as regras morais de forma racional. Portanto, a ética pode refletir e questionar valores morais.

A ética é responsável por definir certas condutas do nosso dia-a-dia. É o caso dos códigos de ética profissional, que indicam como um indivíduo deve se comportar no âmbito da sua profissão.

Exemplo do uso de ética

O conceito de ética é utilizado quando refletimos sobre a moral aceita em determinada sociedade, podendo aceitar ou questioná-la.

João foi antiético porque não se levantou para que o idoso pudesse ocupar seu lugar no ônibus.

O que é moral?

Moral é o conjunto de regras que orientam o comportamento do indivíduo dentro de uma sociedade. Ela pode ser adquirida através da cultura, da educação, da tradição e do cotidiano.

Tais regras norteiam os julgamentos de cada indivíduo sobre como agir. Isto de acordo com o que foi previamente aceito como norma em determinado grupo. Quando falamos de moral, as definições do que é certo ou errado dependem do local onde a pessoa se encontra, da tradição e cultura.

Exemplo do uso de moral

A moral se refere a determinadas normas e condutas. Estas são criadas e aceitas em determinado grupo social, podendo variar de acordo com o local ou o tempo. Como no caso:

Antigamente, era imoral as mulheres usarem calças, mas hoje é moralmente aceito.

De onde vêm os princípios morais e éticos?

A moral é um padrão externo que pode ser fornecido por instituições, grupos ou cultura a qual um indivíduo pertence. Também pode ser considerada um sistema social ou uma estrutura para um comportamento aceitável.

A ética, apesar de ser influenciada pela cultura e pela sociedade, são princípios pessoais criados e sustentados pelos próprios indivíduos. Por conta disso, o indivíduo pode basear-se em princípios éticos para questionar uma moral vigente.

Consistência e flexibilidade

A moral é muito consistente dentro de um determinado contexto, mas pode variar entre culturas ou épocas. Por exemplo, algo moralmente aceito na sociedade de hoje poderia ser imoral nos anos 70.

Já a ética é como o individuo reflete sobre determinada moral. Assim, é possível que certos eventos modifiquem radicalmente as crenças e valores pessoais de um indivíduo.

Origem do conceito de ética e de moral

Grande parte da confusão entre estas duas palavras vem de suas origens. A palavra "ética" vem do francês antigo etique, do latim ética e do grego ethos e se refere às condutas, ao modo de ser. Já a palavra “moral” vem do latim moralis, que se refere aos costumes.

Então, originalmente, os dois têm significados muito semelhantes.

A moral e a ética do indivíduo são estudadas filosoficamente há mais de mil anos. Porém, a ideia de ética como princípios que são definidos e aplicados a um grupo é relativamente nova, datada em 1600.

Veja também as diferenças entre:

Pedro Menezes
Revisão por Pedro Menezes
Licenciado em Filosofia pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ) e Mestrando em Ciências da Educação pela Universidade do Porto (FPCEUP).