SPC e Serasa


Raphael Aviz
Revisão por Raphael Aviz
Bacharel em Direito | Advogado

SPC e Serasa são órgãos de proteção ao crédito. Eles têm a função de criar uma lista com os dados de pessoas que contém dívidas atrasadas, seja em bancos ou empresas. As principais diferenças entre esses dois órgãos estão em onde coletam seus dados, as informações encontradas e no modo de consulta.

SPCSerasa
Nome oficialServiço de Proteção ao Crédito.Serasa Experian.
O que fazO SPC é um órgão de proteção ao crédito, que registra as informações pessoais, como nome e CPF, de pessoas que possuem dívidas atrasadas. Essas informações são postas em uma lista de inadimplentes, que é disponibilizada às empresas, bancos e lojas.O Serasa tem a mesma função que o SPC, criando uma lista com dados pessoais de devedores.
FinalidadeOrientar lojas, bancos e empresas nas decisões sobre apoio a negócios, empréstimos ou concessão de crédito.Idem ao SPC.
Banco de dadosOs dados são coletados por meio dos lojistas credenciados.A maior parte das informações provêm de bancos e instituições financeiras.
Informações contidasInformações sobre pessoas com dívidas no comércio em geral, distribuidoras de energia e água.Dados de pessoas com débitos junto a bancos e instituições financeiras, como dívidas em cartão de crédito, cheques sem fundo ou atraso em financiamentos.
CriaçãoFoi criado em 1955, pelas Câmaras de Dirigentes Lojistas (CDL).Criado em 1968, em uma parceria entre associações bancárias.
Consulta do CPFPode se consultar em local físico ou pela internet, porém é cobrada uma taxa para cada consulta online.A consulta pode ser feita pessoalmente nas agências da Serasa Experian ou no site da empresa, de forma gratuita.
Outros serviços para empresasO SPC oferece certificação digital, SPC Avisa e análise de crédito às empresas.Oferece planos de monitoramento dos clientes.

O que é SPC?

O SPC é uma empresa de proteção ao crédito. Foi criada e financiada pelas associações comerciais, especificamente, pelas Câmaras de Dirigentes Lojistas (CDL).

Sua função é criar uma lista com informações pessoais de pessoas que possuem dívidas atrasadas. Assim, ela vende essas informações para bancos e lojistas para que possam consultar a situação de seus possíveis clientes.

O que é Serasa?

O Serasa Experian foi criado em 1968. É resultado de uma parceria da Associação de Bancos do Estado de São Paulo (Assobesp) com a Federação Brasileira das Associações de Bancos (Febraban).

Possui a mesma função do SPC: criar uma lista com informações de pessoas inadimplentes, disponibilizando-a para bancos e empresas.

Como consultar nome do SPC ou Serasa?

A busca nesses órgãos é baseada nos dados cadastrais do consumidor, como:

  • Nome completo
  • Endereço
  • Telefone
  • Nome da mãe
  • Data de nascimento
  • Outros dados pessoais

Além de:

  • Informações sobre atrasos de pagamentos
  • Financiamentos
  • Débitos
  • Cheques devolvidos ou sem fundo
  • Empréstimos

O indivíduo ou empresa que tem o nome incluído no SPC ou Serasa costuma ser notificado por meio de uma correspondência emitida pelos órgãos. Essa notificação contém a empresa que lançou o nome, a origem do débito e seu valor.

A pessoa também pode consultar se seu nome está negativado no SPC e Serasa nas agências físicas de cada um desses órgãos, ou online.

A consulta no SPC pode ser feita de forma física utilizando o RG, CPF e um comprovante de residência do indivíduo. Para cada consulta na internet, é cobrada uma uma taxa.

Já a consulta do Serasa também pode ser realizada pessoalmente, em agências da Serasa Experian, ou no site da empresa, de forma gratuita.

Quais dados estão contidos nas listas do SPC e Serasa?

Como os dois órgãos coletam informações em locais diferentes, o comerciante que deseja verificar a situação do cliente deverá decidir em qual dos bancos de dados deve consultar. Isto de acordo com a informação que estiver buscando.

Como o SPC está diretamente ligado às Câmaras de Dirigentes Lojistas (CDL), em seu banco de dados é possível encontrar informações de pessoas com dívidas no comércio em geral. Também dá para checar em empresas distribuidoras de energia e água.

Já no Serasa, que recebe os dados de bancos e instituições financeiras, possui mais informações sobre pessoas com débitos junto a essas instituições, como:

  • Dívidas em cartão de crédito
  • Cheques sem fundo
  • Atraso em financiamentos

Apesar disso, quando alguém se torna negativado em algum destes órgãos, a informação costuma ir também para o banco de dados do outro.

Outros órgãos de proteção ao crédito

Além do SPC e do Serasa Experian, existem outras empresas que realizam esse serviço de proteção ao crédito.

Um exemplo é o Cadastro de Emitentes de Cheque sem Fundo (CCF). Administrado pelo Banco do Brasil, a finalidade é registrar o nome de pessoas que emitem cheques sem que haja saldo para pagá-lo.

Outro órgão é o Serviço Central de Proteção ao Crédito (SCPC), administrado pela Boa Vista Serviços. Presta os mesmos serviços que o SPC e Serasa.

Veja também a diferença entre:

Raphael Aviz
Revisão por Raphael Aviz
Bacharel em Direito pela Faculdade do Pará, Advogado e Mestrando em Direito dos Contratos e da Empresa pela Universidade do Minho (Portugal).