Monocotiledôneas e Dicotiledôneas


As monocotiledôneas são uma classe de plantas que têm apenas um cotilédone em sua semente. Já as dicotiledôneas são uma classe de plantas que se caracteriza pela presença de dois cotilédones laterais em cada semente.

As duas classes possuem diferenças também em suas flores, caule, folhas e outras características.

MonocotiledôneasDicotiledôneas
DefiniçãoAs monocotiledôneas são uma classe de plantas que se caracterizam pela presença de um cotilédone terminal em cada semente. Elas são principalmente herbáceas.As dicotiledôneas são uma classe de plantas que possuem dois cotilédones laterais em cada semente. 
EmbriãoMonocotiledôneas têm um cotilédone terminal.As dicotiledôneas têm dois cotilédones laterais.
Veias das folhasAs veias das folhas são paralelas.As veias das folhas são reticuladas (ramificadas).
Tipo de folhasIsobilateralDorsiventral.
RaízesRaiz fasciculada.Raiz pivotante ou axial.
FloresPétalas em múltiplos de três.Pétalas em múltiplos de quatro ou cinco. 
Células buliformesMuitas monocotiledôneas têm células buliformes em suas folhas, para regular a perda de água.As folhas de dicotiledôneas não possuem células buliformes.
Caule e sistema vascularFeixes vasculares estão espalhados por todo o caule sem nenhum arranjo particular.Feixes de tecido vascular dispostos em circulo. 
PólenPólen com um único sulco ou poro.Pólen com três sulcos ou poros.
ExemplosGrãos, (trigo, milho, arroz), lírios, narcisos, cana-de-açúcar, banana, gengibre, grama, cebola, bambu, palmeira, bananeiras.Legumes (ervilha, feijão, lentilha, batata) margaridas, hortelã, alface, tomate, eucalipto, morango, maça.

Número de cotilédones no embrião

O número de cotilédones difere nos dois tipos de plantas, sendo a base para a classificação principal de monocotiledôneas e dicotiledôneas. Enquanto as monocotiledôneas têm apenas um cotilédone, os dicotiledôneas têm dois.

Os cotilédones são as primeiras folhas que surgem no embrião das plantas. Eles contêm nutrição para o embrião até que ele seja capaz de cultivar folhas e produzir seu alimento pelo processo de fotossíntese. 

Sistema vascular

O sistema vascular é disperso nas monocotiledôneas, sem nenhum arranjo particular. Já a estrutura interna do caule das dicotiledôneas é composta por feixes vasculares, que são distribuídos ao redor de um cilindro central.

Pétalas das flores

O número de partes das flores é diferente nos dois grupos. Enquanto nas monocotiledôneas elas aparecem em múltiplos de três, as flores das dicotiledôneas são formadas em múltiplos de quatro ou cinco.

Diferenças nas folhas

As folhas das dicotiledôneas são dorsiventrais, isto é, têm duas superfícies (superfície superior e inferior da folha) que diferem uma da outra na aparência e na estrutura. Além disso, as veias das folhas ocorrem em um arranjo reticulado ao longo da folha.

Já as folhas das monocotiledôneas são isobilaterais, isto é, ambas as superfícies têm a mesma aparência e são estruturalmente iguais. Na maioria das espécies, as folhas das monocotiledôneas têm arranjo de nervuras paralelo.

Raízes

As raízes podem se desenvolver a partir de uma radícula principal ou surgir em ramificações a partir do caule.

O sistema de raízes das monocotiledôneas é fasciculado, um sistema radicular fibroso com várias raízes moderadamente ramificadas crescendo a partir do caule.

Por outro lado, as dicotiledôneas têm um sistema de raiz principal, com outras raízes que brotam lateralmente a partir dela. Elas são chamadas de raízes axial ou pivotantes.

Exemplos de monocotiledôneas e dicotiledôneas.

Existem cerca de 65.000 espécies de monocotiledôneas. Alguns exemplos incluem grãos, como trigo, milho e arroz. Outros exemplos são lírios, narcisos, cana-de-açúcar, banana, gengibre, grama, cebola, bambu, palmeira, bananeiras.

Já os exemplos de dicotiledôneas incluem margaridas, hortelã, alface, tomate, eucalipto, morango, maçã, além de legumes como ervilha, feijão, lentilha e batata. Existem cerca de 250.000 espécies dessa classe.

Veja também a diferença entre Verduras e Legumes