Tipos de limão


São 4 os tipos de limão conhecidos: siciliano, taiti, galego e cravo ou caipira. Apesar de muitas semelhanças, cada tipo possui características distintas e são utilizados para diferentes fins.

Vale citar ainda que somente o siciliano é um verdadeiro limão. Os restantes são limas ácidas, derivadas do limão original.

Tipos de limão

Os limões são frutos do limoeiro que, diferentemente de outras plantas que geram variedades cítricas, produz frutos de forma contínua.

As diferenças entre os limões se baseiam no tamanho e sabor, podendo variar na cor, indo de verdes a alaranjados. São frutos muito utilizados em todo o mundo, sendo o principal ingrediente do drinque mais famoso do Brasil, a caipirinha.

Limão siciliano

Limão siciliano

Comumente chamado de “limão verdadeiro”, o siciliano é o tipo de limão mais antigo do mundo. Mais ácido que os outros limões, é utilizado frequentemente na culinária para doces, molhos e licores.

O limão siciliano tem um formato alongado e a casca amarela é bastante grossa.

Apesar de conhecido pelo bom cheiro, não é tão suculento como outras variedades, mas a acidez concentrada o faz ser usado em diversos pratos, como risotos.

Limão taiti

Limão taiti

Conhecido por ser o principal ingrediente da caipirinha, o limão taiti é o tipo mais comercializado no Brasil. Muito suculento e com poucas sementes em seu interior, o taiti é o mais doce e menos ácido entre os limões, perfeito também para limonadas.

Com um formato arredondado e casca lisa e verde, o limão taiti pode ser utilizado para fins fora da cozinha. É frequentemente usado para eliminar odores e na confecção de remédios caseiros.

Vale lembrar que o taiti é uma lima ácida, originário do limão verdadeiro.

Limão galego

Limão galego

O limão galego, que também é uma lima ácida originária do limão verdadeiro, tem formato arredondado e uma casca fina, de cor verde-clara ou alaranjada. É um limão conhecido por ser saboroso, mesmo que de tamanho pequeno.

É um dos tipos de limão mais utilizados na culinária, sendo muito apreciado em sorvetes, molhos, temperos, drinques, doces e sucos.

Antigamente, era o limão utilizado na caipirinha, mas devido a escassez em determinada época, foi substituído pelo taiti, que acabou tomando o seu lugar na receita do drinque permanentemente.

Limão cravo ou caipira

Limão cravo, caipira, rosa

Também conhecido por “limão rosa”, esta variedade é resultado do cruzamento entre o limão e tangerina. Pela sua aparência, com casca alaranjada que se aproxima do vermelho, é comum que o confundam com uma pequena laranja.

O sabor e o aroma do limão cravo são marcantes. Por isso, são muito requisitados para marinar carnes e substituir o vinagre em saladas. Com uma bactéria que afeta a casca da fruta, mas que não é prejudicial aos seres humanos, o limão cravo pode não parecer tão atrativo, mas é um dos mais suculentos.

Os limões são conhecidos pelo alto teor de vitamina C. Também são fontes de minerais como cálcio, potássio, fósforo, magnésio, entre outros.

Veja também a diferença entre: