Tartaruga, cágado e jabuti


Emerson Machado
Emerson Machado
Jornalista

A tartaruga, o cágado e o jabuti são répteis da ordem dos quelônios, que surgiu no período Triássico. Ou seja, há mais de 200 milhões de anos. Porém, apesar das semelhanças, como seus cascos, estes animais possuem muitas diferenças.

A palavra tartaruga, por exemplo, deveria ser utilizada apenas para os quelônios que vivem quase que inteiramente na água. Os cágados transitam entre a água doce e a terra. Já os jabutis são exclusivamente terrestres.

Confira mais diferenças e curiosidades sobre estas espécies!

Tartaruga Cágado Jabuti
Características Cascos mais leves com características hidrodinâmicas e patas em formato de remo. O pescoço é retraído verticalmente para dentro do casco em situações de ameaça. Cascos achatados para melhor locomoção na água e patas com dedos e unhas para o movimento em terra. Dobra o pescoço lateralmente para dentro do casco para se proteger de predadores. Lentos, com cascos altos e pesados e patas com dedos e unhas em formato cilíndrico. Geralmente, lembram as patas de um elefante. O pescoço é retraído verticalmente, da mesma forma que o da tartaruga.
Habitat Passam quase toda a vida na água (seja doce ou salgada). Exceto no momento da desova. Transitam entre a água doce e a vida na terra. Exclusivamente terrestres.
Base alimentar Peixes, moluscos, crustáceos e algas. Peixes e crustáceos. Frutas, verduras e legumes.

Características da tartaruga

A tartaruga é um réptil provido de uma forte, mas leve, carapaça. Com exceção do momento da desova, passa a maior parte da vida na água, seja no mar ou em água doce. Por isso, possuem formas anatômicas em seus corpos para que tenham mais agilidade neste habitat.

Algumas dessas diferenças entre seus parentes (cágados e jabutis) são as patas, que mais se parecessem com nadadeiras (ou remos). Isto para que ganhem velocidade ao se locomover no meio aquático.

Tartaruga marinha
Uma tartaruga marinha

São répteis que não possuem dedos ou unhas. Além disso, ao esconder a cabeça para dentro do casco, a tartaruga não dobra o pescoço.

Até o formato da sua carapaça é distinto, sendo hidrodinâmica. Ou seja, é leve e mais alongada para que o movimento na água seja o mais eficaz possível.

Para se alimentar, as tartarugas possuem um variado paladar. Podem comer:

  • Peixes
  • Moluscos
  • Crustáceos
  • Algas

As tartarugas podem ser encontradas em quase todas as regiões tropicais do planeta. E seus maiores predadores, tirando o ser humano, surgem logo no momento do nascimento.

A tartaruga marinha, por exemplo, enterra seus ovos na areia da praia onde nasceu. Ao nascerem, as pequenas tartarugas precisam encontrar o mar, que oferece mais segurança. É durante o percurso que muitas são alvos de pássaros e outros animais.

Eventualmente, algumas conseguem encontrar a água e perdem-se no oceano, até as fêmeas precisarem voltar para a mesma praia e depositar seus ovos. A estimativa é de que a cada mil nascimentos, apenas duas tartarugas chegam à fase adulta.

Características do cágado

Os cágados são considerados quelônios semiaquáticos. Isto porque transitam entre a vida na água e na terra. Parte de suas atividades acontece no meio aquático, enquanto outras são desenvolvidas em solo.

Cágado
Um cágado

Para garantir uma locomoção eficaz em terra, o cágado possui patas com dedos e unhas. Entretanto, para que também seja ágil na água, suas patas possuem membranas interdigitais. Assim, é possível nadar com mais eficiência.

São animais de água doce e sua carapaça também contém características hidrodinâmicas. No entanto, o casco é mais achatado do que o de um jabuti e o de uma tartaruga. Para se proteger dos predadores, retrai a cabeça para dentro do casco dobrando o pescoço lateralmente.

É um animal carnívoro, preferindo peixes e crustáceos no cardápio. Porém, alguns espécimes podem ser onívoros, ou seja, comem carne e vegetais.

Características do jabuti

Bem diferente dos seus parentes quelônios tartarugas e cágados, o jabuti passa a vida toda em terra firme. Por isso, não possui nenhuma das características hidrodinâmicas que são encontradas nos outros répteis da ordem.

Jabuti
Um jabuti

Por não nadar, seu casco é alto e suas patas parecem as de um elefante, pois são cilíndricas. Isto para suportar o peso do casco, que é um dos mais pesados entre os quelônios se levarmos em consideração a proporção entre seu peso e tamanho.

A fama de que os quelônios se movem lentamente pode ter tido origem no jabuti. Por ser pesado, sua locomoção é muito lenta. Mas nada que o impeça de encontrar itens que formam a base de sua alimentação:

  • Frutas
  • Legumes
  • Verduras

A proteína animal quase não faz parte do menu dos jabutis. É quase uma espécie vegetariana, se não fosse por alguns indivíduos da raça que podem tirar proveito de carne para a sobrevivência.

Risco de extinção

Muitos espécimes da ordem dos quelônios são animais ameaçados de extinção. Só no Brasil, todas as tartarugas marinhas que desovam no litoral brasileiro correm o risco de ser extintas.

Um dos principais fatores para isso se dá pela pesca incidental, em que pescadores acabam capturando tartarugas em suas redes de pesca. Estas ficam presas e não podem voltar à superfície para respirar. Por isso, muitas morrem afogadas.

Para além da pesca incidental, as alterações no ambiente feitas pelo homem são outro dos fatores de risco.

Isto por causa da mudança no habitat natural das espécies e a introdução de predadores que não existiriam em determinados locais. Por estes motivos, a existência de tartarugas e outros quelônios pode estar em risco.

Um filhote de tartaruga marinha tenta encontrar o mar
Um filhote de tartaruga marinha tenta encontrar o mar

Animal de estimação

No Brasil, o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) controla os quelônios que podem ser animais de estimação. Somente jabutis e a tartaruga tigre d’água (um cágado) são permitidos como pets.

Alguns estados também possuem regras próprias para a criação desse tipo de animal em casa. Em São Paulo, por exemplo, ter um jabuti como pet é proibido.

Além disso, tartarugas, cágados e jabutis são animais que requerem um ambiente muito particular para que possam se desenvolver plenamente.

Ter um jabuti no jardim está longe do ideal, uma vez que o habitat superficial pode causar problemas para estes bichos. Cascos irregulares, falta de crescimento e pouca locomoção são alguns que podem custar a vida do animal.

Veja também a diferença entre:

Emerson Machado
Emerson Machado
Escritor e jornalista, muito ligado a literatura e artes em geral. Trabalha com textos informativos e criativos desde que se lembra, tendo publicado seis livros e diversas reportagens, com direito a prêmios e tudo. É apaixonado por ciência e tecnologia e já escreveu para revistas, assessoria, jornal impresso e online. Vive no Porto, Portugal.