Pandemia, epidemia e endemia


A pandemia é uma epidemia de proporções mundiais, enquanto a epidemia representa o aumento expressivo da taxa de contágio de uma doença em diversas regiões. Já a endemia está relacionada com a presença regular de uma doença em uma região específica.

Algumas doenças são presentes em determinados locais e mantém sua taxa de contágio ao longo do tempo e são consideradas endêmicas. Já o aparecimento de um grande número de infectados em regiões que até então não havia contágio caracteriza um surto epidêmico.

A partir da proliferação de uma doença, ultrapassando fronteiras regionais e aumentando consideravelmente o número de infectados em regiões distintas do mundo, apresenta-se o cenário de uma pandemia. É o caso do Coronavírus (COVID-19).

Pandemia Epidemia Endemia
Significado

Epidemia de proporções mundiais.

Aumento inesperado de casos de uma doença em uma ou diversas regiões. Ocorrência habitual de uma doença em uma população determinada.
Exemplos
  • Gripe espanhola
  • Influenza
  • Varíola
  • Coronavírus
  • Gripe suína
  • MERS
  • Peste negra
  • Febre amarela
  • Tuberculose
  • Doença de Chagas
  • Sarampo
  • Catapora

Ambos os termos possuem como origem o idioma grego. Demia vem do grego demos, que significa "povo" e o radical en significa "em", epi significa "sobre" e pan significa "todo".

Assim:

  • Pandemia, "todo o povo";
  • Epidemia, "sobre o povo";
  • Endemia, "no povo".

Pandemia

A diferença entre pandemia e epidemia se dá pela abrangência dos casos de contaminação. Assim, a pandemia é uma epidemia que atinge proporções mundiais ou se espalha em diversos continentes em um curto espaço de tempo. A característica principal de uma pandemia é o seu alto índice de contágio.

Ao longo da história, algumas pandemias infectaram milhões de pessoas em todo o mundo.

O Coronavírus (COVID-19) foi declarado uma pandemia pela OMS (Organização Mundial de Saúdem) após ter infectado milhares de pessoas em todo o mundo.

Outros exemplos de pandemia:

  • HIV/Aids
  • Gripe Espanhola
  • Varíola
  • Influenza

Epidemia

A epidemia representa o aumento do contágio de doenças para além do padrão esperado. Essa mudança pode ocorrer a partir de um aumento significativo de uma doença existente ou o aparecimento de um novo vetor, vírus ou bactéria.

O cálculo básico para a determinação de uma epidemia é representado por:

Incidência máxima esperada = Média da incidência + 2 x desvio padrão

Se o número de casos superarem o valor da incidência máxima esperada e/ou excederem a região típica, trata-se de um caso epidêmico.

O surgimento de novas doenças e o reaparecimento de doenças em uma região ligam o alerta dos agentes de saúde para a possibilidade de uma epidemia.

Endemia

O termo endemia está relacionado com a manifestação de uma doença contagiosa dentro dos limites verificados pelas autoridades de saúde ao longo de um determinado período de tempo.

São as doenças típicas de algumas regiões, podendo assumir um caráter sazonal e variar o número de infectados ao longo das estações do ano.

Por exemplo, a febre amarela é uma doença endêmica da região amazônica. Já o Rio de Janeiro registra o maior número de casos de chikungunya do Brasil.

Veja também a diferença entre:

Atualizado em