Cobras venenosas e peçonhentas


A principal diferença entre as cobras peçonhentas e as que não têm peçonha é a presença de algum mecanismo para injetar o veneno em suas presas.

De acordo com uma pesquisa na Universidade de Queensland, todas as cobras possuem glândulas produtoras de veneno, mesmo as cobras que matam pela constrição. Porém, algumas os têm em menor quantidade, e não possuem um mecanismo inoculador.

Além dessa, outras características podem ajudar a distinguir uma cobra peçonhenta de uma cobra venenosa sem peçonha.

Cobra peçonhentaCobra venenosa
DefiniçãoSão cobras que possuem algum mecanismo para injetar o veneno no organismo de outro animal.São cobras que produzem veneno mas que não tem um mecanismo inoculador.
Cabeça

Geralmente tem a cabeça achatada, triangular e bem destacada. Possui presas anteriores.

Tem cabeça estreita, longa e pouco destacada. Não possui presas anteriores.
Fosseta LorealPossui.Não possui.
OlhosPossui olhos pequenos, com pupila em fenda vertical.Olhos grandes, com pupila circular.
CaudaÉ curta e afina bruscamente.É longa e afina gradualmente.
Reação quando ameaçadasAtacam.Fogem.
MovimentoLento.Rápido.
ComportamentoPossui hábitos noturnos.Possui hábitos diurnos.
Exemplos de serpentes brasileirasJararaca, Coral, Cascavel, Surucucu.Jiboia, Sucuri.

Apesar destas características serem as dominantes, algumas espécies não correspondem a esse padrão. Um exemplo é a cobra coral, que apesar de peçonhenta, não possui fosseta loreal. um mecanismo que detectam variações mínimas na temperatura ao redor a fim de detectar suas presas.

Veneno ou peçonha?

A cobra peçonhenta é a que tem algum mecanismo para injetar o veneno no organismo de outro animais, como os dentes ocos por onde passa o veneno.

Já as cobras venenosas são as que produzem substâncias tóxicas, mas que não possuem um aparelho inoculador, como dentes ou ferrões. Estes animais dependem da situação para usar o veneno.

Forma de ataque

Quando intimidadas, as cobras peçonhentas se preparam para atacar.

Elas liberam seu veneno nas presas por meio de mecanismo inoculares, onde injetam a substância tóxica. A maioria das cobras peçonhentas possui dentes ocos, por onde passa o veneno.

Já as cobras venenosas não peçonhentas, não possuem esse mecanismo. Geralmente, elas matam suas presas por constrição, se enrolando a elas e as esmagando.

Veja também a diferença entre: